quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Salvador e Feira de Santana/BA

Voltamos... Desta vez fomos de avião, pela falta de tempo e pelo prazo de uma reunião de trabalho marcada.

Eu tenho muito medo de altura, mas a viagem foi tranqüila. Pegamos o voo no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em uma viagem bem calma. A ida levou 1h50, com pouca turbulência, e o dia ajudou muito, pois estava um azul maravilhoso.






Aeroporto Internacional de Guarulhos/SP




Chegamos a Salvador/BA na hora do almoço, pegamos o táxi e fomos direto para o hotel. Confesso que dá mais medo andar de táxi em Salvador do que de avião; eles (taxistas) correm muito, e quando você percebe está se encolhendo no banco e fechando os olhos com os sustos que leva; mas é claro que tem aqueles mais comportados.

Ficamos no Hotel Íbis desta vez, pela localização em Salvador. Tudo é muito distante, a cidade é muito grande e espalhada. Prepare o bolso, porque andar de táxi fica caro.






Fachada do Hotel Íbis
Vista da janela do Hotel
Hotel Pestana Bahia
Praia que fica ao lado do Hotel

Uma opção para quem vai de avião a passeio é pegar o Salvador Bus, um ônibus para passeio turístico. O passeio dura 4 horas e custa R$ 30,00 por pessoa. Este ônibus passa pelo Rio Vermelho, Farol da Barra, Praça Municipal, Mercado Modelo, Igreja do Bonfim, Ribeira, Mercado Modelo, Dique do Tororó, Shopping Iguatemi, e o Jardim de Alah.

Conheci estes pontos turísticos quando fui pela primeira vez em Salvador, em Fevereiro de 2009, na semana do Carnaval, quando fomos de carro e com um pouco mais de tempo.

Desta vez, além de trabalho e reuniões conseguimos ir conhecer a Igreja do Bonfim que eu ainda não conhecia; eu achei bem simples por fora, mas vale a pena conhecer pelo valor histórico que a igreja tem na cidade. Mas, como todo lugar turístico da cidade, tem vários ambulantes que não esperam nem o carro parar, e já estão junto à janela vendendo fitas do Senhor do Bonfim, e artesanato variado. O problema é que se comprar de um, todos querem vender também; ou você compra de todos, ou acaba sendo mal educado.


Igreja do Bonfim


Depois, fomos ao Forte Mont Serrat, construído em 1583. O Forte tem uma vista linda da Bahia de Todos os Santos; você paga R$ 1,00 para entrar. No Forte Mont Serrat as salas são vazias, com alguns quadros na parede. Este passeio de táxi custou R$ 51,00 + R$ 2,00 da entrada do Farol e + R$ 2,00 de Fitas do Senhor do Bonfim que você acaba comprando para ajudar ao vendedor, mas eu não tenho o costume de usar. Por isso que acho que para quem vai com tempo e sem carro, o ideal é ir no Salvador Bus.


Forte Mont Serrat
Vista do Fort Mont Serrat

Mas uma alternativa diferente é alugar um carro. São inúmeras locadoras com vários modelos disponíveis. Para se ter uma idéia, um sedan com motor 1.0 completo, com ar condicionado e direção hidráulica custa R$ 450,00 por uma semana, com quilometragem livre. Normalmente a locadora leva o veículo até o aeroporto e você pode retirá-lo logo ao chegar. Mas acerte o preço antes, pois é possível conseguir descontos.

Para comer fomos a restaurantes próximos ao hotel; comi um bacalhau muito bom no Restaurante Bacalhau de Martelo; um Escondidinho de Carne Seca na Água Doce Cachaçaria, e uma caprichada Pizza no Restaurante Volare Internazionale, que fica ao lado do hotel, além de comer no Shopping Iguatemi que, por sinal, é o shopping mais populoso que eu já vi.




Prato do Restaurante Bacalhau de Martelo








Desta vez optamos pela praticidade e tempo. Porque quando fomos pela primeira vez a Salvador optamos por conhecer os restaurantes que ofereciam o melhor prato da cidade. Fomos ao Restaurante Amado, considerado o melhor e mais premiado restaurante de Salvador, um lugar mágico que fica na Marina, tem um píer de frente para o mar, e a noite é linda, você olhar aquele mar claro, os iates, as estrelas. O atendimento é perfeito, para quem gosta de Peixes e Frutos do Mar é bem refinado e variado, além de uma carta de vinho completa e sobremesas de dar água na boca. É um excelente restaurante. Os pratos custam a partir de R$ 40,00 a R$ 50,00 por pessoa. Num jantar para um casal, com um bom vinho importado e sobremesa, se gasta em torno de R$ 300,00.

Neste final de semana Salvador em que fomos, a cidade estava agitada por causa da corrida de Stock Car, que aconteceria no domingo. Porém fomos para Feira de Santana, para uma outra reunião de trabalho.

Feira de Santana está a 100 km de Salvador, com uma população de 590.000 habitantes; achei uma cidade agradável, quando chegamos ao hotel no hotel, ao lado tinha uma fila enorme de garotas que estavam ali para uma seleção para modelos; disseram que o descobridor de Gisele Bundchen estava lá fazendo a seleção, por dois dias. Estavam todas lá aguardando uma oportunidade embaixo de um sol escaldante, não sei como elas conseguiram.









Feira de Santana
Avenida do centro de Feira de Santana
Vista do hotel - fila da seleção de futuras modelos



Na segunda-feira, após a reunião, pegamos o táxi rumo ao aeroporto de Salvador. A volta para o aeroporto de Guarulhos/São Paulo levou cerca de 2h30, uma viagem tranqüila. Só que continuo preferindo as viagens com o carro, porque você tem a oportunidade de conhecer várias cidades diferentes pelo caminho, como: Porto Seguro, Arraial D’Ajuda, Trancoso, Praia do Espelho, Vitória, Guarapari, Cabo Frio, Rio de Janeiro, Itatiaia, entre outras cidades lindas e que vale a pena conhecer.

Já espero a volta...


Até a próxima viagem...!!!

Fotos tirada por Vanessa Carvalho









2 comentários:

  1. Estou com tanta fome, que esse bacalhau agora seria minha salvação...

    ResponderExcluir
  2. Nossa eu fui para salvador e seguir a risca os lugares e as sugestões que vc falou. Eu nao me arrependi, tudo o que vc descreveu foi maravilhoso... Agora a melhor parte foi comer o escondidinho na Agua doce Cachaçaria!! QUE LUGAR FANTASTICO!!!

    Valeu pela dica! beijos

    ResponderExcluir